sexta-feira, 21 de maio de 2010

Eis a minha aldeia na sua pujança.

4 comentários:

anaferro disse...

Adorei as fotos! Claro que as fotos só são boas porque a paisagem assim o dita. Muito bonita a aldeia. Anotarei, quem sabe um dia não visito. É disto que eu gosto de ver, é por estas coisas que vale a pena passear e até arrisco dizer que vale a pena viver na cidade para depois dar o grande valor a estes espaços, ver-lhes a beleza, sem ter os olhos com fome de conhecer o mundo mais além.

Um beijinho, Ergela. Obrigada pelo vídeo e por nos dares a conhecer a aldeia de que tanto falas e que se nota que amas

MARIINHA disse...

Parabéns Ergela,
Tens uma aldeia muito linda. Para se descansar deve ser do melhor. E reparei que as casas estão recuperadas, mas sem alterarem o estilo.
Espero que estejas bem.
Um Abraço

maria teresa disse...

Pela mostra vê-se que a sua aldeia é linda! Um local a visitar brevemente...
Abracinho

ergela disse...

Ana;Mariinha e Teresa,é difícil para mim falar daquela terra "sagrada" para mim, foi aonde foi feito e, para mal dos meus pecados tive de sair tão cedo, mas todos os anos voltava durante ons meses, aonde podia brincar, apreender e sentir o "apelo da terra", é o sitío aonde volto sempre que possivel, é o lugar aonde quero ficar para sempre, quando a minha passagem acabar aqui na terra.
Se algum dia, as minhas amigas quiserem visitar, tenho todo o prazer de ser o vosso cicerone, só têm que avisar primeiro obviamente.
Beijos e obrigado, pelas vossas palavras.